Ubuntu 12.04 – Todas as novidades

A UDS terminou e decisões muito importantes foram tomadas, visando tornar o Precise Pengolin uma versão muito mais estável do que os seus três predecessores. Confira abaixo as mudanças previstas para o próximo grande lançamento do Ubuntu:

Aumento no tamanho do disco para 750MB

Okay, okay, de quase 700 para 750MB é pouquíssima coisa, considerando que as mídias existentes, fora CD-R são maiores que 1GB, mas Mark Shuttleworth possui argumentos relevantes para manter o tamanho “arrochado”, mas decidiu liberar +50MB para os desenvolvedores respirarem.

  • Quanto mais espaço, maior poderá ser a quantidade de código “inútil” incluso no sistema. Com esse limite, espera-se que o código-fonte esteja enxuto, o que garante um desempenho melhorado ao sistema.
  • Espaço extra no disco pode significar “bloatware” e “crapware” inclusos, então, mantenha o espaço limitado.

Música: Banshee sai, volta Rhythmbox

Usuários antigos têm o que comemorar quando o assunto é “música” no Ubuntu. O Rhythmbox estará realmente de volta no 12.04. Embora eu mesmo tenha gostado, percebi o Banshee um pouco mais instável que o seu concorrente no Ubuntu, e quando se fala em LTS, estabilidade é algo mais que importante. É essencial.

Tomboy Notas sai…

O Tomboy é um aplicativo que faz falta para muita gente, mas eu só abri para escrever esse artigo e o livro “Ubuntu – Guia do Iniciante” em 2010. Fora isso…pra que ele serve mesmo? Ah sim, notas.
Com o Unity e as “lenses”, o Tomboy estava ganhando mais funcionalidades, como a indexação e possibilidade de buscas pelo Painel.

Vale lembrar que, embora esses aplicativos (Tomboy e Banshee) estejam fora do próximo Ubuntu, eles poderão ser instalados facilmente via Central de Programas do Ubuntu.

Remoção do Mono

O Mono (implementação livre de algumas bibliotecas .NET), como dito nesse blog anteriormente, já foi alvo de muitas críticas, chacotas e puxões de cabelo na comunidade Linux. Agora, os xiitas e não-xiitas poderão comemorar: o Mono estará eliminado da próxima versão do Ubuntu, com isso, fica inviável manter os dois aplicativos mencionados acima (Tomboy notas e Banshee Media Player).

Foco no 64Bits

Até o 11.10, a Canonical recomendava o uso do Ubuntu 32bits. Com o 12.04, o foco irá mudar. Primeiramente, devido ao suporte melhorado à multiarquitetura presente no kernel 3. O download da versão 64bits será o padrão, mas você poderá escolher o 32bits, se desejar.

Melhorias no Unity

O LightDM (Gerenciador de login de usuário) mostrará o papel de parede do usuário selecionado. Outras informações poderão ser exibidas ao escolher a sessão. Outra melhoria será a implementação do Unity Greeter (interface Unity) na função de “bloquear tela” (que realmente faz uma grande diferença no visual do sistema no 11.10 em relação ao Desktop e ao LightDM). Outra melhoria: a opção de login se parecerá com uma “lente” do Unity.

Central de Programas melhorada

A Central de Programas do Ubuntu no 11.10 ficou realmente muito bonita, mas, muito mais lenta do que desejamos. A proposta é melhorar o tempo de abertura do gerenciador, além de inserir alguns “itens”. Confira abaixo:

  • novas categorias: e-books, Indicator e lentes
  • videos
  • melhorias no one-conf, permitindo a sincronia de aplicações entre computadores
  • suporte a multiplos screenshots ou screenshots localizados
  • nova interface de ajuda ou reembolso de valores na desistência de aplicativos comprados
  • suporte para plugins

Uma das melhorias propostas mais bem-vindas, é a possibilidade de criação de “scripts” de instalação à partir da própria Central de Programas, assim, você pode criar um “pacote” de instalação de seus programas preferidos e repassá-los aos seus amigos e clientes, que poderão instalar suas indicações com poucos cliques. Ideal também para o pós-formatação, que algumas vezes, requer a instalação de muitos programas da preferência do usuário.

Fontes: OMG! Ubuntu e Web Upd8

Anúncios

7 opiniões sobre “Ubuntu 12.04 – Todas as novidades”

  1. O Mono era desnecessário. Nunca usei o Tomboy. A Central de Programas realmente está pesada. Para a maioria das pessoas (que tem comutadores mais novos), usar um DVD ao invés de CD não faz diferença alguma, mas é sensato manter o sistema com um tamanho reduzido.

    1. Com certeza. Eu liberaria ~100MB, assim, daria um pouco mais de liberdade para implementar “features” em alguns aplicativos, mas ~50MB já é um grande avanço.
      No 11.10, a inicialização da Central de Programas leva em média 11 segundos. A meta para o 12.04 é que seja iniciada em ~2 segundos. Rápido, né? =D

  2. Gostaria de aprender a usar sistema operacional Linux, mas para quem está abitolado no Windows, Linux parece coisa de outro mundo. Comprei um PC com Fênix e tive que desinstalar, pois não conseguia usar minha internet (não reconheceu Meu USB wiress) e nem minha impressora.
    Procurei em vão ajuda no site do Fênix e nada.
    Como faço para aprender a configurar meus hardware e software no Linux.
    Tenho uma ISO do Linux Mint, Mandriva, Brlinux e do Fenix.
    Podem me ajudar a aprender ou me indicar um local em Florianópolis/SC.

    1. Na verdade, Sergio, o Linux pode até parecer complicado à primeira vista, mas só será assim dependendo da forma que lhe for apresentado.
      O Ubuntu é simples e fácil de usar, fácil de aprender e fácil de instalar.
      Caso queira conhecer um pouco mais sobre o Ubuntu 10.04 (a última versão estável do sistema), sugiro que leia o livro “Ubuntu – Guia do Iniciante” (http://orgulhogeek.net/2010/04/29/livro-ubuntu-guia-do-iniciante-disponvel-para-download/), que é uma fonte de informações confiável e de fácil assimilação.
      Quanto ao Fênix, realmente só posso dar um conselho: fuja destes tipos “desconhecidos de Linux. Caso o Ubuntu não lhe atraia, experimente o Linux Mint, o Fedora ou até mesmo o Mandriva.
      Esse blog mesmo possui inúmeros tutoriais e matérias relacionadas ao Ubuntu.

      Boa viagem

  3. Obriagado, Kadu. baixei o Livro e estou montando uma maquina comprocessador Intel Duo_Core E7500 hd de 20GB. Vou primeiro me familiarizar, aprender a instalar programas.
    Fiz a instalação ontem no meu micro direto do CD, mas não consegui instalar o Wine para ter acesso ao programa (Waltchtower library) onde faço meus estudos biblicos.
    Se puder me informar onde possa fazer um cursinho de Ubuntu, agradeceria.
    Realmente estou cançado do windows, muitas atualizaçôes, travamento do Internet Explores.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s